HTC vendeu 15 mil unidades dos óculos Vive, diz executivo

HTC vendeu 15 mil unidades dos óculos Vive, diz executivo Foto: Reprodução/Shen Ye/Twitter

Divulgado na Mobile World Congress (MWC) em Barcelona, o HTC Vive teve 15 mil unidades vendidas em 10 minutos, disse o executivo Shen Ye no Twitter. O óculos de realidade virtual foi anunciado por US$ 799 - cerca de R$ 3,2 mil na conversão direta. O aparelho custa cerca de US$ 200 a mais do que o preço do Oculus Rift, anunciado para venda pelo Facebook no começo de 2016.

Vive foi anunciado como um equipamento de VR que funciona com movimentação corporal e necessita de uma sala livre para locomoção. O gadget vem com dois controles de mão e exige um PC de US$ 1 mil. O aparelho chega ao mercado quando gigantes como o Facebook e o Google investem no segmento, junto com a Sony. Aqui no Brasil, a curitibana Beenoculus lançou em 2015 um gadget mobile que custa R$ 150 e US$ 25 fora do nosso país.

O banco Goldman Sachs prevê que os negócios em realidade virtual chegarão em US$ 110 bilhões até 2020. A instituição SuperData Research prevê US$ 861 bilhões de faturamento em VR em 2016.

Via VentureBeat

Acompanhe Drops de Jogos no Facebook e no Twitter.

Pedro Zambarda

É jornalista, escritor e comunicador. Formado em Jornalismo pela Faculdade Cásper Líbero e em Filosofia pela FFLCH-USP. É editor-chefe do Drops de Jogos e editor do projeto Geração Gamer. Escreve sobre games, tecnologia, política, negócios, economia e sociedade. Email: dropsdejogos@gmail.com ou pedrozambarda@gmail.com.

Website.: www.geracaogamer.com

Assine nossa Newsletter

Nome:
Email:

Log in

Cadastre-se