Para o pai da indústria de games, Nolan Bushnell, VR é legal em "doses moderadas"

Para o pai da indústria de games, Nolan Bushnell, VR é legal em "doses moderadas" Imagem: Tech Times
Mercado pode atingir US$ 25 bilhões.
 
O famoso criador do Atari, Nolan Bushnell, falou sobre a tecnologia de realidade virtual para o mercado de games.
 
Para Bushnell, que ficou mundialmente reconhecido como o "pai" da indústria de games, após transformar o aparelho Atari VCS 2600 em um fenômeno cultural, a novidade precisa ser usada sem excessos.
 
“VR pode se tornar viciante? A maioria dos escritores de ficção científica acha isso. Eu acho que será legal em doses moderadas”, afirmou, em uma postagem em sua conta do Twitter.
 
A declaração do executivo vai ao encontro das ideias de outro grande profissional do ramo, Shigeru Miyamoto, criador de Super Mario e estrela da Nintendo desde o arcade Donkey Kong. Miyamoto afirmou que ficaria preocupado em “como um pai veria seu filho usando VR”, segundo informou o site da Revista Mundo 360.
 
Embora o VR seja a grande aposta do futuro dos games, com investimento de grandes empresas e pesos pesados da indústria, estas declarações chamam atenção pelo fato de dois expoentes dos games "tradicionais" externarem certa apreensão com a tecnologia.
 
O VR tem potencial para alcançar a expressiva marca de US$ 25 bilhões até 2021, segundo pesquisa do site de consultoria especializado em realidade virtual e aumentada Digi-Capital. Muitas mudanças comportamentais e culturais ainda estão por vir.
 
Acompanhe Drops de Jogos no Facebook e no Twitter.
Clique aqui e assine nosso canal no YouTube 
Última modificação emQuarta, 26 Abril 2017 06:35
Kao Tokio

Kao Tokio é produtor cultural, editor de conteúdo do Drops de Jogos e jornalista em veículos de Cultura de Games. Também é professor de Design Digital.

Website.: www.playnbiz.com

Assine nossa Newsletter

Nome:
Email:

Log in

Cadastre-se