Tecnologia

HoloLens, aparelho de realidade aumentada, chega em 30 de março por US$ 3 mil para desenvolvedores

A Microsoft anunciou em seu blog oficial que o HoloLens, fenômeno da E3 2015, chegará neste mês de março. A pré-venda já está aberta, mas o aparelho ainda focado para desenvolvedores só deve chegar no dia 30 de março pelo valor de US$ 3 mil - R$ 12 mil na conversão direta com a alta do dólar no segundo governo Dilma no Brasil.

Leia Essa

HTC vendeu 15 mil unidades dos óculos Vive, diz executivo

Divulgado na Mobile World Congress (MWC) em Barcelona, o HTC Vive teve 15 mil unidades vendidas em 10 minutos, disse o executivo Shen Ye no Twitter. O óculos de realidade virtual foi anunciado por US$ 799 - cerca de R$ 3,2 mil na conversão direta. O aparelho custa cerca de US$ 200 a mais do que o preço do Oculus Rift, anunciado para venda pelo Facebook no começo de 2016.

Leia Essa

Gear 360 é a câmera que capta as redondezas do VR da Samsung

Além de ser utilizado para games, como é o caso da versão especial de Angry Birds dedicada ao Rock in Rio e desenvolvida por Orlando Fonseca Jr. do IMGNation Studios do Brasil, o Gear VR da Samsung também traz opções de filmagem em 360 graus com um equipamento especial. Ele funciona justamente para registrar ambientes e colocá-los em seu óculos mobile.

Leia Essa

"Diferente do Oculus Rift, HTC Vive permite andar num ambiente virtual", diz Orlando Fonseca, desenvolvedor brasileiro

Com 32 anos, Orlando Fonseca Jr. é um desenvolvedor de jogos brasileiros de Santa Maria, Rio Grande do Sul, e com seu IMGNation Studios fez o primeiro game brasileiro para Gear VR, óculos de realidade virtual da Samsung, em 2014. Depois de Dodge This, nunca mais parou com essa novíssima plataforma. Viajou para a Malásia com a incubadora GameFounders, a mesma que ajudou os cariocas do BitCake Studio. Criou, no mesmo período, a versão de Angry Birds para realidade virtual em homenagem ao Rock in Rio.

Leia Essa

LG lança equipamento de VR durante a Mobile World Congress, em Barcelona

A LG anunciou ontem, dia 21 de fevereiro de 2016, o 360 VR, um óculos de realidade virtual que funciona com seu smartphone novo, o G5. Ao invés de encaixá-lo no visor, o LG G5 funciona com conexão USB-C. O anúncio e o produto foi mostrado no Mobile World Congress (MWC), que ocorre nestes dias em Barcelona, na Espanha.

Leia Essa

Mais caro do que o Oculus Rift: HTC Vive custará US$ 799

Neste dia 21 de fevereiro de 2016 ocorre, em Barcelona, o Mobile World Congress com novidades para realidade virtual, uma nova plataforma para os videogames. A principal novidade que veio da feira foi o preço do HTC Vive, concorrente do Oculus Rift: US$ 799, ou R$ 3,2 mil na conversão direta com um dólar valendo R$ 4,02 no último fechamento das bolsas de valores.

Leia Essa

Google quer entrar no mercado de VR para competir com Oculus Rift, do Facebook

Sundar Pichai, presidente-executivo do Google desde 2015 no lugar de Larry Page, disse que a empresa se prepara para lançar o sucesso do Cardboard no mercado de realidade virtual. Feito de papelão, o equipamento existe desde 2014, custa a partir de US$ 23 (R$ 90) e funciona com celulares. Agora a empresa se prepara para lançar um equipamento próprio no segmento VR e fez o anúncio em janeiro de 2016.

Leia Essa

Opinião: Oculus Rift está caro demais?

No dia 6 de janeiro de 2016, após dois modelos para desenvolvedor, o preço do Oculus Rift foi divulgado: US$ 600, ou R$ 2,4 mil na conversão direta com o dólar acima de R$ 4. Foi um erro? O jovem criador do produto, que foi concebido como um crowdfunding no Kickstarter em 2012, disse que os consumidores deveriam se preparar para gastar US$ 1,5 mil ao todo para aproveitar a experiência. Palmer Luckey (23), segundo diferentes sites internacionais, estaria apontando para os entusiastas da tecnologia VR, e não para o público gamer em geral.

Leia Essa
Assinar este feed RSS

Assine nossa Newsletter

Nome:
Email:

Log in

Cadastre-se