Qual jogo tem potencial para o sucesso? Por Renato Degiovani, colunista do Drops de Jogos

Agora que os pássaros raivosos deram uma freada violenta nos resultados financeiros e a fábrica de docinhos virtuais foi negociada pela bagatela de US$ 5,9 bi, você se pergunta: O que está acontecendo no mundo dos joguinhos do tipo que qualquer pessoa consegue fazer? Resposta: O de sempre, ou seja, movimentos clássicos tanto de compra e venda de empresas bem como a saturação deste mesmo mercado. E você tem toda razão em pensar que qualquer programador/artista mediano faz um Angry Birds ou um Candy Crush.

Leia Essa

O mais do mesmo nos games tem potencial? Por Renato Degiovani, colunista do Drops de Jogos

Fazer o primeiro jogo - completo, de preferência - é uma experiência única e não apenas pelo esforço envolvido, mas principalmente pela novidade de ter um trabalho que vai ao escrutínio público sem dó nem piedade. Passar por isso, para quem está se despedindo da adolescência ou já entrou na fase adulta, tem como resultado uma única certeza: Nada te preparou para as emoções que virão tanto se for sucesso quanto fracasso.

Leia Essa

Vídeos gravados ao vivo viciam no universo dos games? Por Renato Degiovani, colunista do Drops de Jogos

O tema de YouTubers, como sinônimo de gameplay em formato de vídeo, desperta paixões tanto pró quanto contra. Os sucessos estratosféricos desses vlogueiros não desfrutam de uma boa reputação na comunidade de desenvolvedores brasileiros. É puro preconceito, porque ambos deveriam andar de mãos dadas.

Leia Essa
Assinar este feed RSS

Assine nossa Newsletter

Nome:
Email:

Log in

Cadastre-se